Thursday, April 09, 2015

S-E-N-S-I-B-I-L-I-D-A-D-E

Uns chamam de manteiga derretida,
Outros dizem que é ingenuidade
Há aqueles que afirmam que é sentimento dos francos.

S-E-N-S-I-B-I-L-I-D-A-D-E

Grande palavra que só cabe em grandes corações.

Só habita o ser daqueles que se dispõe a desnudar-se e mostrar ao mundo a diferença entre ser e estar.

Sem limites, vive trazendo o mundo das alturas que ela mesmo joga pra cima.
Insiste em ver as cores em tons diferentes e não se preocupa com opiniões monocromáticas.

Sensível é aquele que que se joga no vazio sem esperar que alguém o ampare pois suas asas imaginativas o conduzem ao Universo pleno.

Traduz em versos sonoros (ou não) o aconchego de ter trazido para perto tanto sentimento igual, tanta leveza de seres com os mesmos valores, de dentro pra fora, de fora pra dentro.

Assume o risco de parecer frágil, avoado, lunático. Mas tem um sim a certeza de que o principal e deixar-se escoar como águas lentas em rios tortuosos, contornando-se e esquivando-se dos entulhos pois o importante e fluir.

SENSIBILIDADE ou se tem, ou nada...

1 comment:

Silvanna Palheta said...

Nua, com asas...de dentro para fora. Meus olhos são lágrimas, porque a sensibilidade mora em mim. Obrigada! Saudade!

A ESSÊNCIA DA ALMA

Ela disse: -É tão mais fácil ser mau do que ser bom. A gente sofre menos. Parei e refleti, mesmo já querendo dar a minha opinião formad...