Wednesday, November 25, 2015

A CRISE MENTAL

Mesmo sem querer entender muito sobre assuntos políticos e econômicos, uma coisa e certa - Não há como separar o real daquilo que embrenha nossa mente.

Vivemos em um mundo globalizado onde a intimidade é escancarada, onde o caminho de cada um não é mais particular e onde as obscuridades então expostas em um facho luminoso.

Mas isso tudo só acontece porque deixamos acontecer, porque permitimos as invasões e até mesmo deixamos que decidam por qual caminho devemos trilhar.

Em tempos de crise e de recessão, acabamos deixando o assunto invadir nosso ser como se ele fosse, quase que fisicamente, parte do nosso cotidiano.

Em tempos de aperto financeiro há aqueles que realmente sentem o peso da moeda leve.
Em tempos de desordem econômica, há aqueles que sofrem com faltas e desempregos.

Mas em todos esses tempos há aqueles que sequer são atingidos economicamente pelos fatos que inundam os noticiários e mesmo assim levam uma sorrateira pedrada na cabeça.
E essa pedra imaginária vem, literalmente, da direção contrária, onde os atingidos são aqueles que se deixam apedrejar, que permitem serem vítimas da crise emocional. 

Não falta dinheiro e sobra insegurança . E quando essa falta se junta com essa sobra o que resulta mesmo é o medo.
Aí vem a mistura do todo que resulta na teoria de sofrer pelos outros - a dita compaixão - vezes disfarçada de santo e travestida do bicho das tentações.

Na verdade o que o mundo, nos dias de hoje, expele para limpeza, nós teimamos em sorver na ânsia de purificar-nos.

E o engano reside aí - o descarte é lixo e a purificação acontece através de coisas novas, criadas no seu interior.

Acalme sua mente pois a força que movimenta o mundo é invisível.


No comments:

OS 3 PODERES

São Três: Uma subiu meteoricamente a qualquer custo. Outra desistiu de tudo e afundou-se em situações depressivas. E há aquela que ficou...