Tuesday, February 16, 2016

DIFERENTES METADES

Incansavelmente ele procurou  a "metade da sua laranja".
- Encontrei! disse ele.

Então casou-se, orgulhoso do resultado da sua caça. 
Feliz, pois não era mais uma metade, apenas.

E com o tempo o fogo da paixão foi se abrandando e com esse diminuto vieram as diferenças.

-Isso é natural em um relacionamento! Precisamos ajustar as coisas. Comentou...

Mas os ajustes tornaram-se forçosos planos de restabelecimento porque, com tardia maturidade, ele descobriu que a outra metade não era a metade da sua laranja.

E ao invés de casar-se com uma laranja inteira procurou uma metade, sendo uma também. 
Tudo foi pela metade, era a metade de cada, que não formava uma laranja inteira.

Então, atônito, constatou que nenhuma laranja no mundo é igual a outra e assim também não são suas metades e então se deu conta que casou-se com uma laranja inteira, própria com suas duas metades que se encaixavam perfeitamente.

Deu-se conta de que foram duas laranjas inteiras que casaram, cada qual com suas sementes, seus sucos, seus gomos; únicos, hereditários e cheios de historia.

E assim aprendeu a respeitar o outro por inteiro, formando um casal de duas laranjas.
E por fim percebeu que cada um carrega sua individualidade e que cada laranja tem casca própria a ser desnudada sem a necessidade do corte.

No comments:

A ESSÊNCIA DA ALMA

Ela disse: -É tão mais fácil ser mau do que ser bom. A gente sofre menos. Parei e refleti, mesmo já querendo dar a minha opinião formad...