Tuesday, April 05, 2016

FALANDO SOBRE FELICIDADE

Conversando com ela, desabafei:
- Ando tão cansado, parece que tenho muitas camadas de mim mesmo a me envolver.

Então ela virou-se e disse, olhando nos meu olhos:
- Então dispa-se.

- Como? São muitas camadas, não tenho forças. - Reclamei

Ainda falando ela desviou o olhar, virou-se e continuou o que estava fazendo.
- Isso tudo é consequência da forma que você decidiu viver, acumulando coisas, guardando rancores, lamentando-se e perdendo tempo. 
Todas essas coisas acumuladas transformaram-se nessa carapaça que te envolve, entristecendo sua alma.

- Então ajude-me, o que posso fazer?

Quase que num sobressalto ela colocou-se parada na minha frente e fixou  seu olhar nas minhas entranhas.
- Primeiro decida que quer mudar, depois assuma que tudo o que se acumula em você é fruto das suas escolhas.
Dispa-se das suas amarguras, dos velados desejos de vingança e abra-se, não para um novo mundo, para retomar a sua vida.
Perceba a vida que recebeu, alegre-se com o privilégio de estar vivo e poder fazer sempre algo a melhorar as coisas.

Lute, não contra mas a favor do processo de se refazer e só assim conseguirá enxergar-se de verdade.

E por fim, decida ser feliz todos os dias, com o que tem, sem dispensar bons sentimentos, sem boicotar a alegria, sem viver a vida que os outros querem que você viva.

O quarto estava escuro, todas as janelas fechadas e percebi que apesar da maneira enfática com que ela me colocou as palavras, tudo foi em sussurros...

Já aliviado, pé ante pé, fui saindo do seu esconderijo,com a paz instalada em minh'alma, balbuciei:

- Até breve Anne



No comments:

OS 3 PODERES

São Três: Uma subiu meteoricamente a qualquer custo. Outra desistiu de tudo e afundou-se em situações depressivas. E há aquela que ficou...